Cultura

Preso suspeito de envolvimento na morte de adolescente assassinado em frente a UPA de Chapadinha, no interior do Maranhão

A motivação do homicídio e da tentativa de homicídio foi um desentendimento entre duas irmãs, que seriam de grupos criminosos rivais. Preso suspeito de envolvimento na morte de adolescente assassinado em frente a UPA de Chapadinha, no interior do Maranhão
Divulgação/Polícia Civil.
Na manhã desta quinta-feira (7), um jovem de 19 anos foi preso suspeito de participar de um homicídio e de uma tentativa de homicídio. O crime aconteceu no dia 9 de junho deste ano, quando um adolescente de 17 anos de idade, foi assassinado com vários tiros no bairro Areal, nas proximidades da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade de Chapadinha, a 245 km de São Luís. Na hora do crime, uma mulher também foi ferida com um tiro na região do braço.
De acordo com a investigação, o adolescente, identificado como Marcelo dos Santos Simões, teria morrido durante a briga entre uma mulher e a irmã dela, a qual foi ferida com um tiro no braço. A motivação do homicídio e da tentativa de homicídio foi um desenten..

Published

on


A motivação do homicídio e da tentativa de homicídio foi um desentendimento entre duas irmãs, que seriam de grupos criminosos rivais. Preso suspeito de envolvimento na morte de adolescente assassinado em frente a UPA de Chapadinha, no interior do Maranhão
Divulgação/Polícia Civil.
Na manhã desta quinta-feira (7), um jovem de 19 anos foi preso suspeito de participar de um homicídio e de uma tentativa de homicídio. O crime aconteceu no dia 9 de junho deste ano, quando um adolescente de 17 anos de idade, foi assassinado com vários tiros no bairro Areal, nas proximidades da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade de Chapadinha, a 245 km de São Luís. Na hora do crime, uma mulher também foi ferida com um tiro na região do braço.
De acordo com a investigação, o adolescente, identificado como Marcelo dos Santos Simões, teria morrido durante a briga entre uma mulher e a irmã dela, a qual foi ferida com um tiro no braço. A motivação do homicídio e da tentativa de homicídio foi um desentendimento entre as duas irmãs, que seriam de grupos criminosos rivais.
O mandado de prisão preventiva contra Erinaldo foi cumprido pela Polícia Civil do Maranhão, por meio da 3ª Delegacia de Chapadinha.
Segundo a polícia, durante o trabalho investigativo, realizado pela equipe do 1º DP de Chapadinha, todos os envolvidos no caso foram identificados, sendo que a primeira suspeita foi presa no mesmo dia do crime, e o segundo envolvido foi preso nesta quinta.
Ainda de acordo com a polícia, há ainda um terceiro envolvido no caso que encontra-se foragido da Justiça. Ele foi identificado como Erinaldo da Silva Araújo, conhecido ‘Naldo’, e está sendo procurado pela polícia.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tendência

Sair da versão mobile