Conecte-se Conosco

MARANHÃO

Idoso é vítima de bala perdida disparada por policial militar durante perseguição a criminoso em São Luís

1 de 1
Idoso é vítima de bala perdida disparada por policial militar durante perseguição a criminoso em São Luís — Foto: Reprodução Idoso é vítima de bala perdida disparada por policial militar durante perseguição a criminoso em São Luís — Foto: Reprodução
Na manhã desta segunda-feira (20), um idoso foi baleado no pé direito durante uma operação do Batalhão de Polícia Militar de Turismo (BPTUR), na região da Lagoa da Jansen, em São Luís.
O homem foi alvejado no momento em que os policiais mi..

Publicado

em

1 de 1
Idoso é vítima de bala perdida disparada por policial militar durante perseguição a criminoso em São Luís — Foto: Reprodução

Idoso é vítima de bala perdida disparada por policial militar durante perseguição a criminoso em São Luís — Foto: Reprodução

Na manhã desta segunda-feira (20), um idoso foi baleado no pé direito durante uma operação do Batalhão de Polícia Militar de Turismo (BPTUR), na região da Lagoa da Jansen, em São Luís.

O homem foi alvejado no momento em que os policiais militares perseguiam um suspeito de praticar crimes na região. A PM atirou contra o suspeito e acabou atingindo, também, o idoso que não tinha envolvimento algum com o caso.

Segundo populares, os PMs não queriam prestar socorro à vítima, o que teria causado revolta. Diante da manifestação popular, os policias colocaram o idoso na cela da viatura e passaram cerca de 10 minutos para poder levar a vítima até um hospital.

Por meio de nota, a Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) afirmou lamentar o ocorrido com o idoso e informou que prestou socorro à vítima, que foi levada para o Hospital Municipal Djalma Marques (Socorrão I), na região central de São Luís. A PM-MA afirmou, ainda, que o ferimento na perna do idoso foi sem gravidade.

Quanto ao suspeito, que também foi alvejado, a Polícia Militar destacou que ele tem antecedentes criminais por diversos crimes, inclusive homicídio. O homem também socorrido e levado para uma unidade de saúde da capital e, posteriormente, apresentado na Delegacia de Polícia das Cajazeiras, onde foi lavrado o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

A PM afirmou, também, que já determinou a abertura de inquérito policial militar para a devida apuração dos fatos.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1! Agora não Ativar

Clique Para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PUBLICIDADE

SAIBA MAIS

Tendência