Facebook diz que mais reportagens com documentos vazados devem ser publicadas em breve

Advertisements


Rede social usou o Twitter para dizer que 'mais de 30 jornalistas' trabalham em série de artigos baseados em vazamentos e mencionou 'campanha orquestrada'. Logo do Facebook
REUTERS/Dado Ruvic
O Facebook disse nesta segunda-feira (18) que um grupo de "mais de 30 jornalistas" deve publicar nos próximos dias reportagens baseadas vazamentos de documentos internos da empresa.
Em uma série de publicações no perfil oficial da empresa no Twitter, o vice-presidente de comunicações, John Pinette, mencionou uma "campanha orquestrada" contra a rede social.
Segundo ele, os jornalistas que receberam o material tiveram que concordar com "condições e um cronograma impostos pelo time de relações públicas que trabalhou em vazamentos anteriores".
LEIA MAIS:
Em setembro, jornal americano começou a publicar série de reportagens com documentos vazados; ENTENDA AS REVELAÇÕES
Saiba quem é a ex-funcionária responsável pelos vazamentos
Segundo ela, o Facebook coloca 'lucros acima da segurança das pessoas'
O executivo não deixa claro, mas dá a entender que os vazamentos anteriores estão relacionados com uma série de reportagens do jornal americano "Wall Street Journal".
O veículo publicou materiais que indicam que nem todas postagens que violam as regras são apagadas do Facebook e que a empresa sabia que o Instagram é "tóxico" para os adolescentes, por exemplo.
A ex-funcionária que vazou as informações deu um depoimento explosivo contra a empresa no Congresso dos Estados Unidos no início de outubro.
Ex-funcionária do Facebook acusa a rede social de prejudicar crianças e enfraquecer a democracia
"Nas últimas 6 semanas, vimos como documentos podem ser descaracterizados. Obviamente, nem todo funcionário no Facebook é um executivo; nem toda opinião é a posição da empresa", escreveu Pinette no Twitter.
O executivo defendeu que "uma seleção" entre milhões de documentos da empresa não poderiam ser usados para chegar "conclusões" sobre a rede social.

" class="prev-article">Previous article

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *