SP deve suspender uso de máscara em locais públicos em até 20 dias

Advertisements

Liberação deve ocorrer dentro de dez a 20 dias

Liberação deve ocorrer dentro de dez a 20 dias
Divulgação / HCor

O Governo do Estado de São Paulo deve desobrigar a população do uso de máscaras em locais públicos ao ar livre dentro de dez a 20 dias, segundo afirmou o coordenador do Comitê Científico estadual, Paulo Menezes.

O anúncio foi feito na tarde desta quarta-feira (17), em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes. Perguntado a respeito da liberação, Menezes informou que a projeção é de que a medida seja tomada entre o fim do mês e o início de dezembro.

Veja também

“Estamos acompanhando de forma intensa a evolução dos indicadores, e a projeção é que em breve teremos uma situação que permita a liberação quanto ao uso de máscaras nos espaços públicos. É provável que nos próximos dez a 20 dias a gente tenha uma situação que permita essa liberação. Temos 73% da população adulta com cobertura [vacinal] completa”, afirmou o coordenador.

Os quatro índices relacionados ao novo coronavírus e levados em consideração pelo Comitê Científico são a transmissibilidade, o número de casos graves, as internações e a vacinação contra o vírus.

Neste momento, 72,8% da população total já concluiu o esquema vacinal contra a Covid. Da população adulta, são 91,66%.

Terceira dose para adultos

Mais cedo, na entrevista coletiva, o governador João Doria (PSDB) informou que o Estado passará a vacinar com a terceira dose contra a Covid-19 todos os adultos maiores de 18 anos, a partir desta quinta (18).

A gestão anunciou também a redução do intervalo entre doses de seis para cinco meses. Já estão elegíveis no estado, portanto, 710 mil pessoas que estão nessa faixa etária e já concluíram o esquema vacinal há pelo menos cinco meses.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *